sexta-feira, 3 de julho de 2015

James Cameron quer criar painéis solares mais bonitos e eficientes


James Cameron pode ser associado aos filmes que faz, mas o realizador não tem deixado de intervir em muitas outras áreas pelas quais se interessa - que vão desde a exploração do fundo do mar... à criação de painéis solares.

James Cameron há muito que é grande fã dos painéis solares, não só tendo uma instalação de 50kW para alimentar a sua propriedade, como recorrendo a eles para gerar energia durante a produção dos seus filmes. Para ajudar a promover a sua utilização, Cameron acha que é necessário fazer com que os painéis sejam mais atractivos e tenham também o máximo de eficiência... requisitos que o levaram a copiar a solução encontrada pela natureza, criando um autêntico girassol artificial solar.

Este girassol assente numa coluna com 10 metros de altura consiste em 10 painéis solares centrais rodeados por 14 painéis adicionais (a servir de "pétalas"), e tem um sistema que lhe permite seguir o Sol para máxima eficiência ao longo de cada dia e época do ano.

Ao contrário das instalações habituais nas quintas solares, o resultado final tem um aspecto mais agradável visualmente, proporcionando áreas que poderão ser de lazer, protegidas pela sombra destes "girassois"; e que poderia passar quase despercebidas em locais onde os tradicionais painéis rectangulares se tornariam em autêntica poluição visual.

Outro aspecto de realçar, Cameron registou a patente deste sistema, mas apenas como forma de proteger a sua ideia de outros que se quisessem aproveitar dela. Todos os planos e informações do seu girassol solar irão ser disponibilizados como open-source, para que possam ser usados e adaptados por todos.


Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts with Thumbnails