domingo, 27 de setembro de 2020

Painéis solares LG NeON R vs NeON 2


Depois de muitos anos a adiar, decidi avançar finalmente para a instalação de painéis solares, e depois de alguma investigação, a decisão final recaiu sobre dois finalistas: o LG NeON R e o NeON 2.

Painéis solares há muitos, e para todos os preços. No entanto, havendo opções a preço mais reduzido, preferi dar prioridade a uma marca que desse um garantia (de confiança) a longo prazo; e é precisamente isso que faz a LG, garantindo uma eficiência superior a 90% da capacidade original para ambos os painéis ao fim de 25 anos. Tendo em conta as dúvidas sobre se algumas das outras marcas continuarão sequer a existir daqui por 5 ou 10 anos, essa vertente deu logo vantagem à LG.

Os painéis mais populares da LG são os NeON 2, painéis que são considerados de referência no mercado, com eficiência de 20.7% / 20.8% (355 / 360W). No entanto, e quando já estava praticamente seguro de que seria essa a minha opção, eis que me falaram dos NeON R, que são o modelo topo de gama da LG, com 21.7% e 375W.


Uma diferença de 1% na eficiência de conversão parece ridícula, mas neste área dos painéis solares é uma diferença substancial. E para a conseguir a LG teve que reinventar por completo a estrutura das próprias células. Em vez do barramento com tecnologia "Cello" usado no NeON 2, que já representa um enorme avanço face a outros painéis no mercado; no NeON R temos um barramento literalmente microscópico gravado a laser.


Para além da eficiência superior, de importância crítica para quem quiser maximizar a produção por área (por exemplo, assumindo um espaço limitado para a instalação), este painel tem também a vantagem adicional de também sofrer menos redução de eficiência com temperaturas elevadas - o que se torna atractivo para o nosso país.


Seria indispensável escolher o NeON R face a uns NeON 2? Não, longe disso. Ficaria muito feliz e satisfeito com os NeON 2, que já me dariam a tranquilidade necessária para não me preocupar com o assunto durante as próximas décadas. Mas, tal como invariavalmente somos atraídos pelos modelos topo de gama em todas as áreas tecnológicas, que recorrem ao que de melhor existe a cada momento, aqueles NeON R revelam-se demasiado tentadores. :)


P.S. Embora a decisão de avançar com a instalação de painéis solares tenha sido causada pelo apelativo incentivo à instalação; relembro que não há qualquer garantia que se consiga ter acesso a esse incentivo, pelo que deverão assumir desde logo que o investimento terá que ser suportado a 100% pelo próprio bolso.

P.S.2. Outra das opções que me tinha sido apresentada eram os painéis solares bi-faciais, que também são bastante interessantes; mas para o tipo de instalação que pretendo, pousados directamente sobre o telhado, e não tendo cor clara nem reflectiva, não iria tirar partido da sua capacidade de gerar energia com a luz reflectida. Para quem os puder instalar em orientação mais vantajosa, são mais uma das opções a considerar.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts with Thumbnails