terça-feira, 25 de junho de 2019

Raspberry Pi 4 B chega com 2 saídas HDMI e até 4GB de RAM


Depois do RPI 3B+ e 3A+, o popular micro-computador Raspberry Pi tem uma nova evolução. O Raspberry Pi 4 Model B passa a contar com um CPU ligeiramente acelerado, e que agora conta com duas saídas HDMI e pode ter até 4GB de RAM.

Desde o primeiro Raspberry Pi que temos assistido a melhoramentos regulares ao longo das várias evoluções do produto, e agora chega o Raspberry Pi 4 Model B. Este Raspberry Pi conta com um CPU quad-core melhorado - um Broadcom BCM2711 (4x Cortex-A72) a 1.5GHz, face ao anterior BCM2837B0 com 4x A53 do 3B+ - e chega em versões com 1GB, 2GB ou até 4GB de RAM, que o deixarão bem mais confortável para enfrentar uma maior variedade de aplicações. Temos também WiFi ac, Bluetooth 5.0, Gigabit Ethernet, e agora duas portas USB 3.0 a acompanhar as restantes duas portas USB 2.0. Temos ainda uma porta USB-C mas reservada à alimentação (no mínimo 3A).

De forma algo inesperada, passamos a ter também duas saídas micro-HDMI. Estas duas saídas permitem utilizar resoluções de até 4K a 60Hz (4K a 30Hz se utilizadas as duas em simultâneo), pelo que o RPI se torna num candidato bem mais apropriado para aplicações como quiosques multimédia, digital signage, ou até para postos de venda com duplo monitor (um voltado para o funcionário, outro para o cliente).

Embora algumas características pareçam inalteradas, há diferenças substanciais. A porta Gigabit Ethernet, por exemplo, pode agora atingir velocidades efectivas de 943Mbps em vez dos 240Mbps do Pi 3 B+ ou 90Mbps dos modelos anteriores. E graças ao USB 3.0, podemos usar um SSD externo e atingir transferências de 330MB-360MB/s face aos anteriores 35MB/s.


O Raspberry Pi 4B de 1GB já está disponível na Mauser.pt, com os restantes modelos a ficarem disponíveis durante o próximo mês.

Este novo modelo terá produção garantida até pelo menos Janeiro de 2026, o que permitirá dar alguma estabilidade a nível da sua utilização em projectos a longo prazo.

Só fica a faltar que na próxima geração seja finalmente adicionada uma porta SATA, ou até mesmo um socket M.2, que seriam bem vindo para resolver a questão do storage e não se ficar dependente de um microSD ou discos USB.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Related Posts with Thumbnails